Proteína em pó vs. suplementos para substituição de refeições: Qual a diferença?

Proteína em pó vs. suplementos para substituição de refeições: Qual a diferença?

Por Manuel Villacorta, RD

Com proteínas disponíveis em tantos formatos, como em pó, pré-misturadas na sessão de suplementos, no formato de barras de proteína e itens do tipo, existe muita confusão sobre se esses produtos podem ou não ser utilizados no lugar de refeições. Algumas pessoas se perguntam quando é apropriado utilizá-los. Se você é uma dessas pessoas, venha comigo investigar.

O que é um substituto de refeição?

Substitutos de refeições são definidos como substitutos para alimentos sólidos e mais comumente são oferecidos na forma de barra e shakes. Por terem sua porção e quantidade de caloria controlada, algumas pessoas preferem utilizar substitutos de refeição como ferramenta para a perda de peso e alguns estudos têm mostrado que substitutos de refeição podem auxiliar nessa tarefa. Contudo, algumas pessoas os utilizam por sua conveniência quando não têm tempo de preparar uma refeição.

Idealmente um substituto de refeição deve ter entre 400 a 500 calorias, ou o mesmo conteúdo calórico que uma refeição razoável, e deve, normalmente, conter todos os três macronutrientes: proteína, carboidrato e gordura. Como um dietista, na minha profissão eu recomendo duas refeições razoáveis e um substituto de refeição, ou dois substitutos de refeição e uma refeição razoável com petiscos. Essa prática tem a tendência de promover perda de peso enquanto ainda fornece para o corpo a nutrição correta.

O que são suplementos de proteína?

Bebidas proteicas são oferecidas em dois formatos: pré-misturadas ou em pó. As bebidas pré-misturadas são normalmente o que você vê em frascos e prontas para serem bebidas no supermercado. A proteína em pó normalmente vem em frascos ou sachês e requer que o usuário as misture com água, leite ou líquido de preferência. Contudo, esse formato de proteína não é considerado um substituto de refeição sozinho devido a seu alto conteúdo protéico, porém há presença insuficiente dos outros macronutrientes.

Quando a proteína em pó é apropriada? Se você optar por utilizar a proteína em pó como um substituto de refeição, é recomendado que você adicione outros alimentos à sua dieta. Isso ocorre porque shakes proteicos devem conter uma mistura de todos os macronutrientes: proteína, carboidrato e gordura. Por exemplo, uma banana, duas colheres de sopa de manteiga de amendoim e uma medida de proteína em pó é um shake rápido e delicioso que contém todos os macronutrientes, está dentro da faixa entre 300 a 400 calorias e seria um ótimo substituto para qualquer refeição. Uma refeição como essa é uma ótima opção para pessoas que nem sempre têm o tempo livre para planejar refeições ou para aqueles que querem um café da manhã rápido.  

Nessa forma, a proteína em pó também pode ser apropriada antes de exercícios físicos a fim de fornecer combustível após tais exercícios para promover tanto a recuperação muscular quanto o reabastecimento corporal por conta do esforço da atividade física. Como uma estratégia para combater a sobrealimentação, recomendo que meus clientes consumam uma bebida proteica antes de saírem para comer ou saírem para uma ocasião social onde possam encontrar alimentos não saudáveis. Isso manterá você satisfeito sem uma grande carga de calorias.

Substitutos de refeições e bebidas proteicas têm suas vantagens na dieta de muitas pessoas. O segredo é utilizá-los de modo consciente e apropriado para alcançar suas metas de nutrição.

Referências:

  1. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/12704397
  2. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2851659/