6 alimentos e suplementos para diminuir as dores musculares

Por Jake Boly

Se você ama a academia e um bom exercício, então existe uma boa chance de que você já esteja acostumado a sentir dores musculares de tempos em tempos. Muitos acham que dores musculares são uma recompensa ou um sinal de um bom exercício. Elas podem ser, porém também podem ser contraprodutivas.

À medida que nos exercitamos, forçamos nossos músculos esqueléticos, e isso causa micro fissuras nas fibras musculares. Essas fissuras são, então, reconstruídas no tempo posterior ao exercício em um ritmo que depende da quantidade de estresse sofrido pelo músculo. Esse é um sinal de que o corpo está se reconstruindo, ficando mais forte e crescendo. Então, como isso pode ser contra produtivo?

É aí onde aparecem as dores musculares ou DOMS. Esse é um fenômeno que ocorre após o exercício, mas nem sempre imediatamente após ele. DOMS, às vezes, podem ocorrer dias após um exercício e podem causar muito desconforto ou dor muscular. E é aí que a dor muscular pode ser contra produtiva. DOMS podem causar uma diminuição na força, intervalo de movimento e na disposição para movimentação.

Existem múltiplos alimentos e suplementos que ajudam a atenuar e auxiliar no tratamento de dores musculares. Vamos discutir alguns deles e como eles funcionam.

Vitaminas B e C

Existem algumas vitaminas que podem auxiliar na recuperação muscular, incluindo as vitaminas

B e C. Elas são vitaminas solúveis em água que desempenham um papel na diminuição das dores musculares. Após o exercício, a vitamina C tem mostrado ser capaz de promover recuperação com suas propriedades de reparo de tecido, em conjunto da diminuição do estresse oxidativo no corpo. Vitaminas B têm funções variadas, porém, a vitamina B6, em particular, melhora a habilidade de nosso corpo de sintetizar nutrientes e aminoácidos. Isso pode ser benéfico quando nosso corpo precisa quebrar compostos como a proteína e outros alimentos a fim de obter energia.

Açafrão

O açafrão é uma especiaria natural que vem da família do gengibre e é nativo do sudoeste da Ásia. Na forma de suplemento, muitos utilizam o açafrão por conta de suas propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, bem como por conta de sua capacidade de auxiliar os músculos e juntas. Dentro do açafrão, está a curcumina, que é um dos principais componentes na raiz de açafrão e que desempenha um papel com suas habilidades antioxidantes.

Pesquisas sugerem que o açafrão e a curcumina podem ser eficientes no combate a dores musculares tardias e inflamação de juntas. Um estudo de 2015, contando com 17 homens, analisou como a suplementação da curcumina afetou as dores associadas a músculos fadigados e seu desempenho atlético. Pesquisadores deram suplemento de curcumina 2 dias antes de um exercício de perna estressante e até 3 dias após o exercício.

Após 24 e 48 horas do exercício, os pesquisadores testaram o desempenho de pulo único dos homens, em conjunto da aplicação de um questionário para avaliar seus níveis de dor. Eles descobriram que aqueles que tomaram o suplemento com curcumina tiveram um desempenho levemente inferior no teste de pulo, e um nível de dor inferior em seus músculos.

Cafeína

A cafeína é utilizada como um estimulante e, no ambiente da academia, auxilia na melhoria de desempenho. Esse suplemento estimula o sistema neural do corpo, o que, em troca, produz múltiplas reações no corpo. Um dos vários efeitos da cafeína no corpo é sua habilidade de desempenhar um papel no alívio das DOMS. Um estudo de 2013 sugeriu que o consumo de cafeína antes de um exercício melhora o desempenho, porém também diminuiu as dores musculares e a dor associadas com DOMS pós-exercício.

Aviso: O consumo de cafeína deve ser feito com moderação e é sempre recomendado consultar um profissional médico antes de ingerir cafeína regularmente.

Canela

A canela é outra especiaria natural que é frequentemente utilizada por seu sabor, influência sobre a sensibilidade de insulina e atividade antioxidante. Um dos vários atributos positivos que acompanham a atividade antioxidante da canela no corpo é como ela ajuda a diminuir as dores musculares. Por exemplo, um estudo de 2013 observou o relacionamento entre a suplementação de 3g (menos de uma colher de chá) de gengibre, canela e placebo para dores musculares em seis mulheres saudáveis. Pesquisadores descobriram que o tratamento de dores musculares nos grupos que ingeriram canela foi melhor do que os grupos que ingeriram gengibre e placebo.

Suco de cereja

O suco de cereja é outro remédio natural para dores e dores musculares. Cerejas tartarinas são úteis por conta de seu alto conteúdo de antioxidantes e compostos antiinflamatórios , que podem auxiliar no combate da inflamação muscular causadas por exercícios estressantes.

Uma pesquisa de um estudo de 2010 observou 54 corredores saudáveis (36 homens e 18 mulheres) que correram aproximadamente 26 quilômetros em um período de 24 horas e como o suco de cereja tartarina pode ter desempenhado um papel no que tange dores musculares após a corrida. Os autores do estudo fizeram com que os participantes ingerissem 355mL (cerca de 1 xícara e meia) duas vezes ao dia por sete dias antes de sua corrida e no dia de sua corrida. Eles, então, fizeram com que os participantes avaliassem a dor muscular antes, durante e após a corrida. Após investigação, pesquisadores descobriram que aqueles que utilizaram o suco de cereja tartarina tiveram menos dor do que aqueles que ingeriram placebo.

Dores musculares podem surgir como um produto dos exercícios e de um estilo de vida saudável, mas dores excessivas podem ser contra produtivas para a saúde geral de um indivíduo. Se você se encontra excessivamente dolorido, então, teste um desses suplementos, pois eles podem ser úteis para aliviar DOMS e apoiar seu ritmo de recuperação.

Referências:

  1. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25795285
  2. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24164961
  3. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23717759
  4. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2874510